quinta-feira, 2 de abril de 2009

Deja vu












(detalhe) photo by Claudio Ramos


Minha saudade é assim
te sinto todo de novo
em cada pedaço de mim


8 leitores extasiados...:

Paulinha disse...

Fabi estou amando seus poemas!
Você está de parabéns!

(27/11/2008 20:43:38)

paula_mlk@hotmail.com

globetrotter disse...

nossa, quanta beleza poetisa! "Eu não me importaria de ser esquartejado com suas palavras contando que eu fosse sepultado dentro de seu coração".

(21/11/2008 15:17:47)

(semes1@hotmail.com)

jaoj disse...

Oi poetisa, aceitei seu convite e vim te conhecer onde "a palavra te revela". Parabéns...mas você é isso tudo mesmo ou isso tudo é só poesia? Queria saber mais de você ;)

(21/11/2008 3:53:14)

(jaoj@hotmail.com)

Samuel disse...

muito solitário, mas bonito...

Fernando disse...

Voltei...
Deja vu mesmo... A saudade é boa, mas doe um pouco...
Citando Clarice Lispector
"Saudade é um pouco como fome. Só passa quando se come a presença."

Já gosto de você!

mlbelem disse...

Fabiana,
Simples conciso porem marcante.
bj

Vanessa Moiseieff disse...

Fabi, olá, perfeitas as suas palavras. Tenho certeza que em qualquer momento de uma paixão. No momento da dor, também nos faz sentir um pouco melhor. Parabéns de verdade

BAR DO BARDO disse...

epigrama hipônico...

vuuuuuuuuuu...

Blog Action Day 2009

Translate this blog


Widget UsuárioCompulsivo

Search this blog

Se você gostou desse blog, vote no prazer do texto: